sábado, 14 de julho de 2012

SEXTA-FEIRA 13 NA UTI - 100.ª postagem dos CALDOS DE CANA


Dedicado à memória de Delfina Gazzolla Capoletto (1922-2012)

A cirurgia para retirada de um tumor ("cisto epidermóide têmporo-occipital direito", nome mais científico e menos opressivo - para não deixar as pessoas tão comovidas) correu perfeitamente bem, sem nenhuma alteração, tendo a duração aproximada de 4 horas. A equipe médica previa que durasse entre 2 e 3 horas, mas o tamanho do animal que eu levava no crânio surpreendeu a medicina, e ufa!, foi por pouco que não atingiu minha artéria cerebral. Se isso tivesse ocorrido, filhinhos, nosso herói estaria agora não digitando essas singelas palavras deste pessoal relato, mas com toda certeza, rígido e frio, e vocês chorando e contando piadas, e relembrando anedotas e acontecimentos inusitados que marcaram nossa convivência. Aqui nosso herói se encontra, acamado, com profenide nas veias, já tomei uma dose de M, queria tomar outra, mas o Sadi, meu enfermeiro deste turno, extremamente responsável, se recusou a fornecer a morfina tão querida... Confesso a vocês que, se em algum momento eu cheguei a ver alguma VANTAGEM em realizar uma CIRURGIA CEREBRAL, foi no fato de poder legalmente experimentar uma bela dose de M. Eu juro que queria duas, mas não sei se vão me dar. Agora, de qualquer modo, eu me sinto muito mais próximo dos meus heróis: Charles Baudelaire, William Burroughs, Billie Holliday, Charlie Parker, Orlando Silva, John Coltrane, Thomas de Quincey, e, é claro, KEITH RICHARDS, que também tem em comum comigo o fato de NÃO MORRER NUNCA e também ter se submetido a uma cirurgia no cérebro. Não me sinto nem um pouco incomodado, exceto pela maldita SONDA URETRAL, da qual não posso dizer que "encheu o saco", porque na realidade, foi justamente o contrário: a sonda ESVAZIOU MEU SACO... e como DOEU, gente, pra retirar aquilo. Fora isso, eu reagi muito bem à cirurgia, e o fato de não ter sido necessária a abertura da dura-mater, foi também um ponto positivo. Ainda estou na UTI, mas já deveria (e gostaria muito) de ter saído daqui, mas estou há pelo menos umas três horas aguardando a liberação de um quarto, para onde eu irei e onde deverei permanecer pelos próximos 3 ou 4 dias, para então, retomar minhas atividades normais. Agora, com uma cicatriz de guerra. Uma marca visível das lutas e batalhas em busca da minha auto-realização como ser humano melhor, mais feliz, menos angustiado, mais solidário, mais amoroso e mais dedicado ao trabalho criativo, em busca da transformação da sociedade, ainda que com uma contribuição pequena, mas sincera, para uma sociedade menos egocêntrica, mais inteligente. Passei a noite ouvindo Mozart, Haydn, Bach, Schumann, Auber, Danzi, Rossini, Beethoven, e também Coltrane, Duke Ellington, Charlie Parker, Chet Baker, e agora, ouço Willie Dixon, Mance Lipscomb, Howlin' Wolf, Sonny Boy Williamson, e penso que consigo compreender finalmente por que M é tão excitante e traz tanta curiosidade às pessoas. Os opiáceos são drogas fascinantes, porque nos fazem ter sonhos coloridos. Eu fechava os olhos e via cores suaves, brilhantes, leves, e me sentia como se meu travesseiro fosse uma nuvem de algodão. Acho que, paradoxalmente ao fato de estar na UTI de pois de uma bem sucedida cirurgia no cérebro (bem sucedida e bastante dolorida, também), nunca me senti tão bem depois de receber um medicamento. Três sonhos realizados: cirurgia no cérebro (RÁRÁRÁ); MORFINA na veia, e me sentir PARCEIRO de Keith Richards. A equipe médica, chefiada pelo Dr. Murilo Sousa de Meneses, que contava com o Dr. Gustavo Jung, o acompanhamento por vários outros médicos, entre eles o Dr. Alexandre Ottoni, com seu humor e alegria capixabas, Dr. Felipe, que veio de Teresina morrer de frio em Curitiba, o que traz uma carga a mais de honra ao seu trabalho, Dra. Letícia, com seu sorriso cativante, e as enfermeiras e enfermeiros Laudicéia (chefe), Cláudia, Juliana, Suselle, Camilo, Sadi, Julio Eduwirges, Vanusa, Walkíria, Adriana (que me fez duas punções!), Lisandra, Maria, Thaís, Silvana, Adriana Belarmino (CCH), as fisioterapeutas Meire e Fabiana, a cozinheira Edna, e mais uma porção de outros nomes de que infelizmente não vou lembrar, mas que sentir-se-ão aqui homenageados, acabaram, vejam só, por se tornarem todos eles, sem exceção, e pela obviedade, também MEUS HERÓIS. O que aprendi nas últimas horas? Basicamente que a dor individual é relativa, diante da dor e do sofrimento alheios. Continuo a me sentir, sobretudo UM PRIVILEGIADO: tenho uma família que me ama e deixou claro que se preocupa de verdade comigo, e sempre esteve ao meu lado; tenho amigos fiéis; tenho o privilégio de estar bem atendido, com recursos médicos, hospitalares e técnicos de altissimo nível, ser paciente de uma equipe médica que me tratou com atenção, carinho, benevolência, paciência e humanidade - isto tudo num PAÍS INJUSTO, em que muitos em estado até mesmo PIOR do que o meu  sofrem o DESCASO e a FALTA DE ASSISTÊNCIA para se tratarem e se curarem dignamente. Finalmente, me sinto privilegiado porque consegui me manter CONSCIENTE, e compreender, ainda que em escala ínfima, a tudo o que se sucede comigo neste momento, e aproveitar isso tudo para continuar meu crescimento ESPIRITUAL, INTELECTUAL E MENTAL. Minha vida já é outra,"livre de todo rancor, meu coração se abriu - E EU VENHO ABRIR AS JANELAS DA VIDA". Obrigado aos espíritos e às forças do bem e a todos os que estiveram e estão ao meu lado agora. ALLAH AKBAR.

59 comentários:

  1. Amado amigo, que bom q estás bem...vejo isso pelo teu texto, caso contrário, nem estaria aqui! Espero poder te encontrar em breve, mas não tão brevemente! Tenho tentado ligar pro teu celular, mas está sempre desligado. Te mando um super abraço e minha alegria por tu estar bem!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. laiza: qualquer coisa que eu diga a você será pouco para definir o que sinto, qual a real emoção de sabê-la tão próxima, tão querida, tão entranhada em meu ser. vc é minha irmã de vida, de alma, e eu tenho orgulho que a cada dia cresce mais por nossa amizade! beijos!!!

      Excluir
  2. Amado amigo, que bom q estás bem...vejo isso pelo teu texto, caso contrário, nem estaria aqui! Espero poder te encontrar em breve, mas não tão brevemente! Tenho tentado ligar pro teu celular, mas está sempre desligado. Te mando um super abraço e minha alegria por tu estar bem!

    ResponderExcluir
  3. Conheço um cara q ficou tão comodado com a sonda q arrancou o próprio pinto!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. meu pinto é só um retrato na parede. mas como dói! valeu, pauletes!

      Excluir
  4. Enviando energias positivas para a sua total recuperação.

    ResponderExcluir
  5. Ainda não sei se me compadeço, se lhe admiro ou lhe invejo... a profundidade deste teu mergulho e a altitude de raciocínio em que vc se encontra agora só lhe faz uma coisa: Herói, na ampla concepção. Que as forças do universo conspirem para a realização do bem!!!
    *sonhos coloridos é??? Vou encher a cara de m&m's esta noite p ver se sonho tbém...rsrs
    Adri

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. obrigado, adri. sonhos coloridos são sempre muito bons, seja com confetes m&m's, com a super M ou com somente as ondas cerebrais e a serotonina. abração!

      Excluir
  6. Man, vivo ou morto, beberíamos em sua homenagem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. obrigado! eu beberei em minha homenagem, mas só daqui a uns 6 meses. hauehaeueahaeuhaeua. quero ver o conto, josh!!!!

      Excluir
  7. Grande André.
    Que bom te ver novamente. andré. Grande abraço. almir.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. almir, agradeço seu apoio, sua ajuda, solidariedade, amizade. estamos sempre juntos. espero vcs aqui em casa. abraços!

      Excluir
  8. oieeeeeee André,
    vejo que vc está com a corda toda, maravilha, fico muito feliz que correu tudo bem e vc com essa disposição toda. Beijos, Leni

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. leni, muitíssimo obrigado! suas palavras e apoio sempre foram de suma importância! não esqueça do noel! beijos

      Excluir
  9. Esse é o Super-André, não preciso dizer mais nada depois de ler seu relato poético.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. o tito é meu templo, minha religião, e vcs, irmãos wiechteck, são meus sacerdotes e líderes espirituais. tuffi cury é meu criador e meu mestre, para sempre. obrigado!!!!

      Excluir
  10. Grande André:
    Daqui partiram muitas energias positivas.
    Abração,
    Sandino

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. sandino, estou esperando os meneguzzos aqui em casa. abração!!!

      Excluir
  11. Boa recuperação. Volte sempre (rs).

    fergath

    ResponderExcluir
  12. Querido e velho amigo, você está na UTI? Em Ponta Grossa? Pombas! olha, muita garra pra você, em sua recuperação, não esqueça de Paul McCartney tb, além do K Richards e Schumman. E fuerça que a luta continua! Traga umas doses de morfina clandestina e tomaremos com Absinto, após a alta.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. danny boy, estive na uti por 21 horas, mas agora estou em casa. entre em contato, venha me visitar, será um prazer e uma honra. infelizmente, absinto só daqui a seis meses, mas a morfina tá liberada - o problema é conseguir. ahahahahah. abraços e muito obrigado!

      Excluir
  13. Valeu André! Melhoras e muitas escritas! Thiago - Arroiz

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. arroiz, definitivamente, precisamos por aquele papo e aquelas reminiscências em dia, brother. fiz uma promessa e tenho que cumpri-la, para isso, terei que voltar a monte santo. tá intimado! abração.

      Excluir
  14. Maravilha...vamo que vamo que a hora é essa. Um beijo e agora novinho em folha. Marcio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. marciones, te prepares, que eu quero uma festa, não importa onde, pode ser até em serra talhada! abração e amor, meu querido irmão!!!!

      Excluir
  15. é isso aí, mostrar ao que veio :)
    fique bem.
    bj, Ana

    ResponderExcluir
  16. Ahh, seu cabrito velho das pradarias...você não morre nunca mais!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. júlia, vc é que é uma cabrita montanhesa e saltitante das minas gerais! muito obrigado! beijos

      Excluir
  17. oi André! sucesso na sua recuperação, tomara q a ausência do tumor não cause síndrome de abstinência (brincadeirinha!)
    sobre a morfina, consegui tomar uma dose dupla uma vez, mas a um custo alto e, claro, não premeditado. Na segunda vez em q colocaram-me o Ilizarov na perna, ou seja, aquele trambolho de aço com estrutura externa e fios de mais de 1 milimetro de espessura atravessando literalmente músculos e ossos da perna e do meu pé esquerdo (q acabei de torcer e assim relembrar só um pouquinho do incômodo daqueles tempos), fique sozinho de madrugada no quarto e a dor só aumentava, apesar de já ter tomado a dose de dolantina! Gritei, cantei, acordei todo o bloco do hospital, deram-me comprimidos, nada adiantava, até q finalmente a enfermeira veio antecipar em algumas horas a dose seguinte: quando ela aplicou na mangueirinha q estava conectada à veia, enroladinha e colada com esparadrapo, imediatamente a dor aliviou e veio a sensação de relaxamento. mas não foi só isso> ela pegou outra seringa, dessa vez com soro, e aplicou novamente! a segunda dose então entrou, espalhou-se por meus agradecidos corpo e cérebro, somando-se à primeira dose q tinha ficado durante umas duas, talvez três horas na mangueirinha porque a enfermeira do turno anterior tinha esquecido de aplicar o soro em seguida. A sensação com certeza compensou a dor anterior e pude conversar com Morpheus e outros Perpétuos depois de intrigar, com meus gritos e cantorias, a vizinhança q se perguntava se o paciente daquele quarto não estava na ala errada, ortopédica ao invés de psiquiátrica!
    Abração e até breve!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. erick! obrigado pelas palavras e pelo relato. é supreendente! acho que nos aproximamos de de quincey, man. nada como a experiência para nos deixar mais e mais conscientes. um forte abraço!

      Excluir
  18. Poxa, André, não sabia que você estava com treco desse na cabeça. Também, como dizia minha avó, isso que dá estudar demais, hehehe. Mas ainda bem que deu tudo certo! Melhoras meu caro.
    Rodrigo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. czajka: tou lendo uma frase de eurípedes, que de repente, me pareceu ter mais sentido do que sempre teve: "o esperado não se cumpre, e ao inesperado, um deus abre o caminho." vou continuar essa busca intelectual, e sinto-me honrado por nossa amizade de tantos anos, e por vc ainda ser um de meus companheiros nestas buscas! abraço!

      Excluir
    2. Mas que bom que tudo está melhor agora. Olha só... aquele convite ainda está de pé: fazer-me uma visita aqui em Londrina e pensar naquele projeto de doutorado na Unesp, meu caro. Um abraço. Rodrigo

      Excluir
  19. Que bom Andre que td deu certo....
    Você merece,Deus o proteja MUITO.
    Oramos para você....
    bjs
    Ledalberto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. leda e alberto: vocês são muito importantes. apesar da distância, os laços que nos unem trazem a tona a história de nossa família, a amizade antiga que sempre nos aproximou, o amor incondicional e a honra de se sentir parte de um clã! em breve, estaremos juntos. beijos e abraços.

      Excluir
  20. Grande foi a perplexidade quando minha mãe, cuidando de minha tia após cirurgia cardíaca, falou: sabe o professor André ?! eu: sim eu sei, ele também está passando por uma situação de intervenção cirúrgica, mas não sei o que é ! mãe: sim eu sei, ele está aqui no mesmo hospital que a tia, fez uma cirurgia, acabei de conversar com a mãe dele !
    Então após ficar sabendo da gravidade da situação, gelou a espinha, pensei, ou melhor, fiquei sem saber o que pensar e em seguida lá no fundo de minha mente senti uma vibração estranha, mas eu estava tenso por causa da tia, mentalizando a cura, a rápida recuperação e você AMIGO, instantâneamente passou a fazer parte da FÉ que depositei no meu DEUS e também em meus GUIAS ESPIRITUAIS para que estivessem junto a todos. Ontem falei novamente com a mãe e pelo que ela disse correu tudo bem nas duas cirurgias, assim pensei, a FÉ move não só montanhas, mas OPERA MILAGRES e ILUMINA os momentos certos SEMPRE.
    Melhoras Prof. André(Andrezão)!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. muito obrigado, fábio! eu agradeço de coração por sua mentalização. o melhor de tudo, mesmo, diante de tudo isso, é perceber a solidariedade e o quanto as pessoas realmente se importam. vc tem aqui um amigo. abraços

      Excluir
  21. André, que tenhas uma excelente recuperação.

    abs
    Soraya

    ResponderExcluir
  22. Meu amigo, mais uma fase da vida cumprida.
    Força na peruca!

    ResponderExcluir
  23. andré, eu te amo, vc é especial, merece uma vida fantástica e meu coração sempre vai bater mais forte por vc.
    desejo mais luz, mais certezas, mais vida, mais força, mais e mais amor. vc é um grande amigo, meu namorado, querido e amado não importa o que aconteça.
    nós passamos por muitas coisas juntos nesses anos todos e vale a reflexão de que apesar, ou por causa de tudo, estamos juntos.

    beijos no coração, na boca, na alma.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. giu, vc ter estado comigo neste momento, e termos optado por viver nuestra vida loca juntos nestes últimos anos, foi, é e para sempre será algo que fizemos de forma consciente, sem medo de sermos felizes, e puxa! como sou feliz com vc! beijos! em breve, estaremos juntos. eu te amo e logo esses beijos serão devidamente entronizados e sacralizados.

      Excluir
  24. Amado amigo primeiramente achei que fosse brincadeira , bem sua cara brincar com o tipo de coisa “cirurgia no cérebro”! Mas depois que li fiquei pasma! Que bom que correu tudo bem, sempre achei que era cérebro demais, teve que se adaptar aos demais mortais meu querido rsrsrsrsrsr. Está num hospital de Curitiba? Adorei os comentários sobre M, só uma coisa, sempre sonho colorido, muito colorido!? Beijos estimado, que bom que ainda ficará conosco por mais tempo, compartilhando sua criatividade, sua amabilidade e sua amizade. Com muito carinho, Ariana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. obrigado, ariana. foi talvez a brincadeira mais séria da minha vida. mas eu me saí muito bem. estou renovado, feliz, em excelente estado e com muita vontade de fazer mil coisas.

      Excluir
  25. Cara, achei que era brincadeira... Muita forca veio, tambem estou na torcida. Um forte abraco.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu não brincaria com algo assim, né? achei que foi uma experiência excelente. abraços e muito obrigado!

      Excluir
  26. É isso aí amigo. Alto astral sempre. Aquilo que é nosso é nosso, simples! As coisas, aparentemente ruins, nos são apresentadas para crescimento e não para lamentações.
    beijo no core. sua amiga Serly

    ResponderExcluir
  27. André,
    espero que esteja tudo bem aí. Desculpe-me a demora em vir aqui postar. Outras questões alheias a minha vontade. Força, coragem e fé!

    ResponderExcluir
  28. André tudo de melhor,seguem firme na luta

    abraço
    Afonso,

    ResponderExcluir
  29. Oi, André
    Fico feliz pela recuperação. Queremos notícias atuais para saber se não tiraram ou acrescentaram algo a mais nessa caixola.Um abraço! Nelba

    ResponderExcluir
  30. André... eu fui tua aluna em Rio Negrinho e assim, do nada, pensei em você e resolvi procurar rastros teus na internet. É a segunda vez desde o Ensino Médio que tento te encontrar e desta vez com êxito. Quero dizer o quanto você foi importante na minha vida nessa pouca convivência que tivemos. Eu sinto muita saudade. Te admiro, muito.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oi, bianca! que bom que vc me achou, fico feliz por vc ainda lembrar de mim. sempre tive muito carinho por todos as minhas ex-alunas e ex-alunos do ccsj. aquele tempo foi marcante para todos nós. vc ainda vive em rio negrinho? faz tempo que estou com vontade de fazer uma visita à cidade. beijão!

      Excluir
  31. Oi André.
    Vi você no facebook e resolvi ler o seu blog que gosto tanto e fiquei sabendo da sua cirurgia. Espero que você tenha se recuperado e esteja ótimo agora. Acho que naquele período você estava muito bem acompanhado pela Billie Holiday, John Coltrane, Chet Baker, Bach e outros. Eles são verdadeiros companheiros. Eu sei disso. Um grande abraço. Tudo de bom para você.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. obrigado, silvana. estou 100%, mas meu blog tá meio parado... espero que não seja preciso outra cirurgia pra eu escrever algo aqui de novo. um beijão e muito obrigado por suas palavras!

      Excluir

Eu aprecio os comentários aos meus posts. A identificação não é obrigatória, mas sempre agradeço àqueles que dizem ao menos seu nome. Não deixe de comentar o que achar interessante! Obrigado.

I really like comments to my posts. Identification is not required, but I will apreciate if you let me know who you are. Make your comments to all that you enjoy in this blog! Thank you.